Breaking News

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Começa a desocupação da área de acesso à praia do Cacau

Imperatriz - A Secretaria de Planejamento Urbano e Meio Ambiente (Sepluma) e a Defesa Civil iniciaram na manhã de ontem (7) a desocupação da área de acesso à praia do Cacau. O local está ocupado por barraqueiros, mas o Ministério Público Estadual recomendou sua saída do local. A expectativa é que todos os moradores sejam retirados da área até a próxima sexta-feira (11).
A recomendação do Ministério Público, feita em julho do último ano, alega que os moradores estariam poluindo o meio ambiente, se apropriando de uma área federal e, principalmente, correndo risco de morte, já que no local podem ocorrer deslizamentos.
Mesmo com a recomendação, a Sepluma optou por um acordo, permitindo que os barraqueiros permanecessem no local até o fim do período de veraneio. Os meses se passaram e a situação permaneceu a mesma.
Mesmo sem realizar a retirada, o secretário de Planejamento Urbano e Meio Ambiente, Enéas Rocha, já havia afirmado que os moradores não poderiam permanecer ali, e destacou a questão de segurança envolvida. “Temos de retirar estas pessoas de lá para, depois, não estarmos chorando sobre os corpos delas”, disse o secretário.
Recentemente, o MPE deu um novo prazo para a retirada dos barraqueiros, que se estendia até ontem.
Segundo levantamento da Sepluma, das 25 famílias que ocupam o local, apenas 8 não possuem outro local para morar. Estes moradores terão de procurar um novo local de moradia. O aluguel será pago pelo município, durante seis meses, até o valor de 250 reais mensais. (J. Pequeno).

Nenhum comentário:

Designed By