Breaking News

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Ex-governador do MA diz que adversários escondem Sarney na campanha

Política - O ex-governador do Maranhão José Reinaldo Tavares (PSB), que disputa uma vaga ao Senado, disse que seus adversários escondem o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), em suas campanhas eleitorais no Estado.

Tavares, que já foi aliado da família Sarney no passado, mas rompeu com o grupo em 2004, disse em seu programa eleitoral de ontem à tarde que nem a governadora Roseana Sarney (PMDB), candidata à reeleição e filha de Sarney, nem os candidatos ao Senado da coligação --Edison Lobão (PMDB) e João Alberto (PMDB)-- colocam o presidente do Senado para pedir votos em seus programas.

"Eles têm um ex-presidente na família. Por que não colocam o Sarney por pedir votos para eles?", questionou.

O presidente do Senado enfrentou uma crise no ano passado, quando foi revelado que havia servidores contratados por meio de atos secretos da Casa.

Tavares disse também que seus adversários exageram na presença do presidente Lula nos programas. "Nem o Lombardi faria tanta propaganda nestas eleições quanto o presidente Lula." Apesar de o PSB estar na aliança em torno de Dilma Rousseff (PT) à Presidência, nem a candidata nem o presidente Lula gravaram mensagens de apoio a Tavares.

A coligação "O Maranhão não pode parar", de Roseana, Lobão e João Alberto, não quis comentar a propaganda de Tavares.

SÍLVIA FREIRE
DE SÃO PAULO

Um comentário:

Anônimo disse...

A Rosengana Sarney não só esconde o pai como não tem coragem de usar o sobre nome dele.

Marcelo Lira

Designed By