Breaking News

segunda-feira, 29 de março de 2010

Flávio derrota Roseana e ganha apoio do PT

Política - O Partido dos Trabalhadores do Maranhão decidiu neste sábado, dia 26, durante seu encontro, no Sesc Olho D´Água, para debater a tática eleitoral 2010, coligar-se com o PCdoB e apoiar a pre-candidatura do deputado federal Flávio Dino ao Governo do Estado. A tese que defendia a coligação com os partidos de esquerda foi apresentada por lideranças como o deputado federal Domingos Dutra, pelo ex-deputado e ex-prefeito de Imperatriz Jomar Fernandes, pela ex-deputada Terezinha Fernandes e pelos dirigentes da legenda no estado Márcio Jardim, Augusto Lobato, Bira do Pindaré e Franklim Douglas. A decisão do PT representa uma derrota explícita da governadora Roseana Sarney.

Ao longo da semana a tese a favor da coligação com o PCdoB recebeu o apoio dos movimentos sociais e de intelectuais ligados ao PT como Emir Sader, os professores Chico Gonçalves, Wagner Cabral, Marcelo Carneiro e Arlete Borges que apresentaram um documento aos delegados petista no qual defendiam a aliança com o PCdoB como forma de garantir a alternância de poder no estado.

Tão logo tomou conhecimento do resultado do encontro, Flávio Dino compareceu ao Sesc Olho D´Água e conclamou a militância dos partidos de esquerda a desencadearem uma onda vermelha em todo o estado para conquistar dois milhões de votos. "Foi uma grande vitória para o povo do Maranhão", resumiu Dino, que foi saudado pelo presidente do PT no Maranhão, Raimundo Momento, e pelo dirigente nacional da legenda, Paulo Frateshi. Flávio Dino também foi saudado pela militância do partido e por um dos fundadores do PT nacional, Manoel Nacional.

Para o pré-candidato ao governo do Maranhão, não havia derrotados no encontro do PT, mas apenas vitoriosos que era o próprio Partido dos Trabalhadores, a esquerda e todo o povo do Maranhão. Em seu discurso de agradecimento, Flávio Dino antecipou que será realizada uma reunião do PT, PCdoB e PSB para planejar a campanha e a pré-campanha no Maranhão.

Flávio Dino encerrou seu discurso entoando a palavra de ordem Dilma! Dilma! numa referência à candidatura da ministra à presidência da República. Lideranças de vários partidos ligaram para Flávio Dino reiterando o apoio à sua candidatura ao Palácio dos Leões.

(JP).

Um comentário:

Angela disse...

é bom que se diga que ele só tem metade do PT ao seu lado, outra metade continua apoiando Roseana, além disso, ela tem a vantagem de ter a direção nacional do PT ao lado do PMDB, o que no fim das contas, Roseana sai ganhando.

Designed By