Breaking News

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Retirada de motos do calçadão agrada maioria da população

Imperatriz - A iniciativa da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Meio Ambiente (Sepluma) de retirar centenas de motocicletas e bicicletas que ficavam estacionadas nos dois quarteirões do calçadão agradou a maioria absoluta da população, que agora pode transitar normalmente por aquele perímetro. A operação é realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Trânsito.

Há algum tempo, vereadores cobravam na Câmara Municipal uma ação do secretário Enéas Nunes Rocha nesse sentido, uma vez que entendem que o calçadão foi criado para o trânsito de pedestres e não para servir de estacionamento para ciclistas e motociclistas.

Entretanto, a atitude da Secretaria não foi compreendida por uma minoria de comerciantes de área próxima que se sente prejudicada, uma vez que as motocicletas, geralmente de propriedade de comerciários, ocuparam os estacionamentos na extensão central da Rua Coriolano Milhomem.

Em contato com a reportagem, Enéas Nunes Rocha diz que tomou uma decisão há muito reclamada pela população que pedia a desobstrução da área. "O calçadão foi construído para o trânsito livre de pedestres", observa o secretário.

Enéas Rocha lembra, ainda, que o mês de dezembro, em função das festas natalinas e de ano novo, é o mais concorrido no comércio. É a época em que consumidores procuram mais o centro comercial para efetuarem suas compras de final de ano. "Portanto, não existe período mais propício para acabar com esse estacionamento ilegal", observa o secretário. Com relação aos camelôs que ocupam o centro, notadamente a Avenida Getúlio Vargas, Enéas revelou que eles serão removidos para outras áreas no próximo ano, quando ocorrerá a reforma da avenida.

Em contato com a reportagem, a dona de casa Maria do Amparo da Costa Silva, residente no Bacuri, disse que a iniciativa do secretário foi digna de uma pessoa que procura organizar os espaços públicos da cidade. Ela contou que certa feita sofreu um arranhão na perna provocada pelo pedal de uma bicicleta que se encontrava estacionada no calçadão. "Aquilo é lugar de pedestre e não de estacionamento de motos e bicicletas", afirmou. Para o estudante Edilberto Alves Sousa, "são ações como esta que fazem com que acreditemos que agora vamos ter uma cidade bonita e desenvolvida".

Indagado sobre sua impressão sobre esse tema, o vereador/repórter Raimundo Roma (PSL) afirma ser este um assunto delicado, "isso porque ciclistas e motociclistas passaram a estacionar na Rua Coriolano Milhomem". Roma ressaltou, entretanto, que as pessoas de Imperatriz precisam compreender que o trânsito da cidade cresceu muito, razão porque devem estacionar agora em ruas próximas do centro comercial com menos fluxo de veículos quando forem às compras. "De qualquer forma, nós como legisladores temos que apoiar a iniciativa do secretário, pois as pessoas precisam transitar livremente pelo calçadão", concluiu.

Para o vereador Joel Gomes Costa (PMN), o calçadão deve obedecer o mesmo tratamento dispensado para outras áreas do comércio. O edil entende que o Código de Postura do Município tem que ser obedecido e ele cobra que os espaços públicos devem ser respeitados e não ocupados, como vem acontecendo em Imperatriz. Joel Costa afirmou que a iniciativa do secretário Enéas Rocha é correta, pois está de acordo com o Código de Postura. "Só acho que o secretário deveria ter ouvido as pessoas envolvidas, no caso os comerciantes daquela área", emendou o vereador.

Natal Verde – O secretário Enéas Rocha informou que a equipe da Sepluma está ultimando os preparativos para a realização do projeto Natal Verde. De acordo com o titular da pasta do Planejamento Urbano e Meio Ambiente, o Natal Verde consiste em realizar um verdadeiro mutirão de entrega (doação) de centenas de mudas de árvores regionais para que sejam replantadas na cidade. Essa ação, segundo Enéas Rocha, será desenvolvida na Praça da Cultura, nos sinais de trânsito das artérias centrais e na área do centro comercial de Imperatriz. "Queremos, com isso, incentivar as pessoas a nos ajudar a arborizar a cidade", afirma o secretário. (Comunicação)

Nenhum comentário:

Designed By