Breaking News

terça-feira, 27 de outubro de 2009

TJ leva ex-prefeito de Imperatriz ao banco dos réus

Caso de Policia - A juíza da 5ª Vara Criminal da Comarca de Imperatriz, Samira Barros Heluy, definiu a pauta de julgamento do 2º Mutirão do Tribunal do Júri Popular em Imperatriz, que começa no dia 30 de novembro e termina no dia 4 de dezembro.

Entre os réus está o ex-prefeito de Imperatriz, Salvador Rodrigues de Almeida, acusado de envolvimento no assassinato do prefeito Renato Moreira. O crime aconteceu por volta das 6h do dia 6 de outubro de 1993, no Mercado Municipal Bom Jesus, próximo à residência de Renato Moreira.

Salvador Rodrigues responde ao processo 126/1993, pela incidência penal tipificada no artigo 121 § 2º, itens e IV, combinado com o artigo 29, do Código Penal Brasileiro. O julgamento de Salvador Rodrigues de Almeida, que está respondendo pela acusação em liberdade, acontecerá no auditório da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), localizada na Rua Urbano Santos, no centro da cidade.

Serão julgados 34 réus e haverá reuniões nos municípios de Davinópolis, São Pedro d’Água Branca e Governador Edison Lobão. (Do Progresso)

Nenhum comentário:

Designed By