Breaking News

quarta-feira, 1 de julho de 2009

Acusado de matar duas pessoas é preso (Codó)

"Acusado de matar duas pessoas é baleado e preso pela polícia"
Caso de Policia - Policiais Militares de Codó, com o auxílio da Força de Pronto Emprego que continua atuando na cidade, prenderam ontem, 30, Romoaldo Sousa Santos, foragido da justiça acusado de já ter assassinado duas pessoas e de ser traficante de drogas.

Denúncia

De acordo com o major Jairo Xavier, populares denunciaram a presença dele nas imediações do prédio da UFMA.

“É a participação aqui da sociedade que aderiu à este mutirão em prol da cidadania de Codó, informou o paradeiro dele, ele reagiu, foi baleado, agora vai pagar pelos seus crimes”, disse o comandante da Nona Companhia Independente.

Tiros

A polícia cercou o local e efetuou a prisão. Romoaldo ainda atirou contra os policiais, não conseguiu ferir ninguém e quando tentava pular um muro foi atingido no pé direito por um tiro de fuzil.

“Foragido, traficante, homicida, tudo que não presta. Atirou, houve a necessidade, revidamos e aí estar”, concluiu Xavier

Silêncio

Romoaldo foi ouvido pela imprensa quando ainda estava sendo atendido pela equipe médica do SAMU. Pouco respondeu aos repórteres que o questionaram sobre como praticava seus assassinados (a pauladas), se matava para roubar. A única coisa que falou em meio a gemidos de dor foi sobre suas fugas, dizendo:

“Eu fiz só fugi mesmo, porque mesmo”. Quando perguntado sobre se lembrava dos crimes, disse simplesmente “não, lembro não”.

A Polícia Militar tenta prender agora dois comparsas do homem baleado no pé. Eles conseguiram fugir no momento da operação policial.

IMIRANTE

Nenhum comentário:

Designed By