Breaking News

terça-feira, 30 de junho de 2009

Tavares nega conchavo com grupo Sarney

Maranhão - Ele devolveu a faixa de governador nesta manhã para o interino João Alberto, de volta a capital.
O governador interino João Alberto de Souza (PMDB) reassumiu nesta terça-feira, 30, o comando do Poder Executivo do Maranhão. Ele havia se licenciado no dia 24 de junho para participar de reuniões em Brasília. João Alberto desembarcou na madrugada de domingo para segunda-feira em São Luís e seguiu direto para o Palácio Henrique Dela Roque, onde reassumiu o cargo.

No período em que esteve afastado do cargo, João Alberto foi substituído pelo deputado estadual Marcelo Tavares (PSB), que volta à presidência da Assembléia Legislativa, Estação Ecológica do Rangedor.

Enquanto governador, Marcelo Tavares visitou 14 cidades do estado, fiscalizando obras iniciadas no governo Jackson, elaborou relatórios sobre essas viagens e entregou aos respectivos secretários com os quais se reuniu durante os sete dias que esteve sob o comando do estado.

Perguntado por uma rádio local sob algum possível conchavo político entre Tavares e o grupo de Roseana, pelo fato de ele ter assumido o governo, Marcelo foi categórico ao responder que não havia nenhum tipo de combinação entre os grupos: “Não há acordo nenhum, quem me conhece sabe de minha ideologia e meus posicionamentos sobre a política do estado. Enquanto governador procurei manter a ordem entre os três poderes e esse não é o momento de discutir conchavos políticos, qualquer divergência política de opiniões fica para 2010”, respondeu Marcelo Tavares.

Sobre algumas leis do governo Jackson que Roseana e João Alberto não deram continuidade, Marcelo respondeu: “Não quis alterar o andamento do atual governo, o compromisso é do dono do mandato”. Depois de assinar o termo de posse, João Alberto reuniu-se informalmente com secretários de Estado e deputados estaduais da base aliada.

O governador afirmou que será "um substituto como se fosse ela própria (Roseana)” ressaltou João Alberto. Ele está no governo interinamente até que Roseana Sarney retorne ao cargo, provavelmente na segunda quinzena de julho. A governadora chega ao Maranhão na quinta-feira, 02.

Imparcial.

Nenhum comentário:

Designed By