Breaking News

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

ACIDENTE COM TRAGÉDIA NA BR-135

POLÍCIA - Entre as vítimas estariam dois funcionários da Câmara Municipal de Codó.
Um grave acidente deixou quatro pessoas mortas, ontem à tarde, no Campo de Perizes, no Km 8 da BR-135. A colisão entre um Gol de cor vermelha (placa NHE-3174/Codó-MA) e uma caçamba Mercedes Benz de cor amarela (placa HPL-5008/São Luís-MA) aconteceu perto de uma grande curva sinuosa, e gerou um “engarrafamento” quilométrico ao longo da rodovia. Segundo informações de agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) do Maranhão, o choque aconteceu por volta das 14h, quando o condutor do veículo do Gol, Edinilson Rios Barros, 43 anos, invadiu a contramão da pista, colidindo frontalmente com o veículo de carga. Ainda de acordo com a PRF, entre as vítimas estaria um casal que era funcionário da Câmara de Vereadores de Codó.
Edinilson, que seguia no sentido Bacabeira/São Luís, estava acompanhado de mais outras três pessoas. João Francisco, 44 anos, Maria Leda Gomes, 41, e mais um homem que estava sem documentos durante a viagem, também morreram na hora. Seus corpos foram estendidos na pista por agentes do Instituto de Criminalística do Maranhão (Icrim).
Ainda conforme informações dos policiais rodoviários federais, o motorista da caçamba, único sobrevivente da colisão e que não teve o nome revelado, teria fugido do local.
“Não podemos afirmar se houve ou não imprudência. No momento do acidente, a pista estava molhada. Nesse caso, também temos que considerar a possibilidade de o motorista ter perdido o controle do veículo; ou ainda ter sido surpreendido por problemas mecânicos”, explicou o PRF Cardoso.
O motorista e os outros dois ocupantes do Gol (identificados no acidente) eram naturais dos municípios de Codó, Barro Duro (Piauí) e Lima Campos. Os PRFs fizeram contato com alguns conhecidos das vítimas, por meio de agenda do celular, porém, até às 17h de ontem, nenhum deles havia chegado ao local. Os corpos das quatro vítimas permaneceram no asfalto, ao lado do veículo que ficou com a frente completamente retorcida, até às 17h30, quando finalmente o rabecão do Instituto Médico Legal (IML) conseguiu vencer o congestionamento e recolher os cadáveres.
FONTE: JORNAL PEQUENO

Nenhum comentário:

Designed By